Festival do Rio- Dia 8.

No Estação Sesc Ipanema.

Penúltimo dia de Festival. Querendo que o dia não acabe só pra não chegar amanhã, até porque só terei 1 filme pra ver, e ainda vai ser cedo. Triste. Mas, pelo menos, hoje vi dois filmes, no cinema em que mais frequentei durante  Festival, o Sesc Ipanema. Foram eles “Abrir puertas y ventanas” e “De quinta a domingo”, dois filmes latinos (o primeiro da Argentina, o segundo do Chile), que eu adoro. Adoro o estilo de filme feito na América do Sul, principalmente na Argentina. Talvez por isso meu filme preferido do dia tenha sido o de lá. Enfim, vamos a eles.

“Abrir puertas y ventanas” é sobre três irmãs que perderam a avó recentemente, sendo que era ela quem cuidava delas desde crianças (os pais, pelo que se entende, morreram quando elas eram pequenas). A perda é recente, portanto elas ainda estão aprendendo a lidar com essa ausência e principalmente com a responsabilidade de viver sozinhas. E também com o próprio relacionamento entre elas, e como fica a hierarquia e o dever de cada uma agora que a avó se foi. Cada uma lida com isso de uma forma diferente, claro, apesar de serem irmãs. E as cenas escolhidos, tudo que escolhem mostrar ou não mostrar, tudo tem significado pra que entendamos o que cada uma está sentindo (ou não sentindo). Achei um filme estupendo, com o ritmo certo pra passar a emoção que quer causar.

“De Quinta a Domingo”, não sei se por já ter visto um filme antes (vi os dois seguidos), e o primeiro não ser um filme super agitado, não gostei tanto quanto de “Abrir puertas y ventanas”. Chegou uma hora no final que eu queria que acabasse logo. Mas o filme é bom e eu gostei. É sobre uma família que vai viajar de carro, sendo que os pais estão se separando. Imagina você ficar trancafiado num lugar fechado por dias com essa pessoa que você não está se dando bem. Pois é, dá pra sentir a tensão o tempo todo no filme. Mas o que mais gostei, foi que ele é todo mostrado na visão da filha do casal, que é a mais velha dos filhos (o outro filho é um garoto insuportável de 7 anos que me fez chegar a conclusão que crianças só são divertidas até os 5 anos de idade, ou se forem garotas porque né, garotas são mais maduras). É a percepção da menina (Lucía) do relacionamento dos pais, e a compreensão aos poucos do motivo daquela viagem e como anda a vida dos pais. A atuação de Santi Ahumada é maravilhosa. A personagem é uma criança muito observadora, por isso é muito na dela, quieta. E Santi demonstra isso perfeitamente. Fiquei encantada com ela e como é singela em seus movimentos. Mas o ritmo é bastante lento e pode cansar.

Então percebi como o ritmo dos filmes mais artísticos, principalmente os latinos (porque foi os que vi no festival), estão mais lentos. O que eu acho ótimo, já que hoje em dia estamos correndo tanto, fazendo mil coisas ao mesmo tempo, que não temos tempo pra perceber a sutileza das coisas nem de perceber o que tem através da aparência e do primeiro olhar. Esses filmes nos instigam a fazer isso: a relaxar, nos acalmar, e perceber além. E eu acho isso ótimo, acho que tá faltando muito isso não só nos filmes atuais (os mais mainstream), mas na vida das pessoas. Talvez não seja necessário analisar demais, como eu faço, mas um pouco sempre é bom. Senão é só correria e as relações humanas se despedaçam.

Roupa de Festival.

Acho que comprei ambos (short e blusa) na loja Liana, mas na etiqueta da blusa tá escrito Miss K. E a Valentina.

Tênis da melhor loja de sapatos do mundo, Viamo (de Buenos Aires). E um gato (Nilo) pedindo carinho pra ele.

Miss K: Av. Maracanã, 978, loja 3002- Tijuca. 

Liana: R. Major Ávila, 455, loja O- Tijuca.

Viamohttp://www.viamo.com/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s